TJ Dillashaw preocupado com as mãos pesadas de Lineker: “Se eu não me concentrar, ele arranca minha cabeça”

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Please enter banners and links.

Dillashaw afirmou que todos os atletas da categoria devem ter um pouco de medo das mãos pesadas de Lineker (Foto: UFC)
Dillashaw afirmou que todos os atletas da categoria devem ter um pouco de medo das mãos pesadas de Lineker (Foto: UFC)

O norte americano ex-campeão dos galos TJ Dillashaw irá encarar o brasileiro John Lineker na noite desta sexta-feira (30) na T-MobileArena em Las Vegas, Nevada, nos Estados Unidos, em luta que pode dar uma chance de disputar o cinturão da divisão contra o vencedor da peleja entre  os norte americanos Dominick Cruz que defende seu título diante de Cody Gambrant na mesma noite.

Em entrevista ao Combate.com, Dillashaw mostrou uma grande preocupação com os potentes socos do lutador tupiniquim.

 “No começo eu fiquei chateado por não receber a revanche, mas agora tenho um adversário muito duro pela frente. Se não me concentrar em John Lineker, ele arranca a minha cabeça. Acho que essa luta é boa para que eu construa meu caminho para onde quero estar e deixar claro o que quero fazer. Estou enfrentando o número dois do mundo, e um de nós dois vai ser o próximo desafiante. Fico em paz sabendo que estou fazendo o que os campeões fazem, que é enfrentar os melhores do mundo. Eu fiz de tudo para que ele quisesse me enfrentar: provoquei e cheguei até a propor uma aposta alta, mas parece que não foi suficiente. Eu sou o número 1 da divisão, então achei que isso seria o suficiente para a revanche. Mas o ranking não significa mais nada. É muito louco. O que posso fazer é lutar e fazer meu trabalho. Adoro fazer o que faço, amo competir, então, tenho que manter o sorriso no rosto e continuar vencendo esses caras difíceis”, disse O ex-campeão que ainda monstra insatisfação em não ter conseguido a revanche imediata diante de Cruz.

TJ também crê que a sua velocidade e boa técnica podem fazer a diferença na luta diante de Lineker.

“Acho que ser completo e possuir boa velocidade e capacidade atlética são bons trunfos que eu tenho contra John Lineker. O melhor atributo dele é o poder de nocaute – todo mundo tem um pouco de medo da força das suas mãos. É aí que ele baseia todo o seu jogo. Me vejo finalizando a luta. Como sou muito completo, pode ser de qualquer forma. Mas acredito que posso ser agressivo o suficiente para nocauteá-lo. Ele não é muito técnico e tem muitas falhas no seu jogo, e vou tentar aproveitar todos eles. Tenho certeza que minha próxima luta será a disputa pelo cinturão. Vou lutar com o Lineker porque eu não posso recusar uma luta”, finalizou.

Related posts

Leave a Comment