Cruz relembra drama e diz: ”Não tenho mais medo de nada”

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Please enter banners and links.

Dominick Cruz vence Dillashaw e novamente é o campeão dos galos do UFC
Dominick Cruz vence Dillashaw, e novamente é o campeão dos galos do UFC

Na noite do dia 17 de janeiro de 2016, realizado em Boston, ocorreu o UFC Fight Night 81: Dillashaw vs Cruz, o desafiante e ex-campeão Dominick Cruz venceu TJ Dillashaw por decisão dividida dos juízes e retomou o cinturão dos pesos-galos do UFC. Após a luta, em entrevista coletiva, Cruz analisou o combate contra o Dillashaw. De volta ao topo da categoria depois de tantas lesões, Cruz avisou: não tenho mais medo de nada. E ainda na conversa, Cruz evitou falar de futuras lutas, acalmou os fãs quanto a uma suposta nova lesão no joelho, e justificou as trocas de provocações antes do confronto com TJ.

– Quando se passa pelo que eu passei, com tantas lesões… Não tenho mais medo de nada. Eu tive que fazer um camp de 12 semanas. Depois disso passei a me preocupar com o corte peso e, então, tive três segundos para entrar no octógono. Quando você está em uma tempestade, o melhor a se fazer é colocar um casaco bem grosso e dar um passo de cada vez, esperando a tempestade passar. Quando ela passa, as flores aparecem e o sol brilha. Foi isso que aconteceu hoje comigo – comentou o campeão.

Interrogado sobre as trocas de farpas entre ele e TJ, Cruz fez questão de deixar claro o respeito que tem pelo ex-campeão, mas não bancou o ”bom moço”.

– Sempre respeitei TJ, mas nós íamos lutar, vou fazer o que? Não se tira o chapéu e cumprimenta educadamente quem você vai lutar. Nós promovemos a luta e dissemos coisas duras um para o outro. Eu odiei ser socado na cara por esse cara, e tenho certeza que ele detestou ser socado por mim. Foi uma luta, e é isso – declarou.

Assim que chegou na sala de entrevistas, Cruz já foi interrogado sobre o próximo combate, com bom humor o campeão respondeu:

– Eu acabei de conquistar o cinturão. Sei que ele não me pertence, porque o UFC sem tem três lutas programadas para você. Mas agora eu preciso de um tempo para curtir a minha conquista e não pensar na próxima luta. Me deixem curtir. Tenho certeza que Dana tem algo programado para mim – afirmou, e logo depois foi interrompido por White, que retrucou: “não tenho nada”.

Na sua avaliação do combate contra Dillashaw, Cruz destacou as quedas que aplicou e brincou sobre sua excelente movimentação e esquiva.

– Mantive o ritmo de luta alto, consegui algumas derrubadas e desviei dos golpes. Se eu fosse acertado, haveria algo errado (risos). Eu trabalhei para não ser acertado. E não lesionei meu joelho. Ele está bem. Meu pé esquerdo é que está doendo, tinha machucado ele antes da luta. Mas muitos atletas sofrem esse tipo de lesão, e garanto que ela vai sarar. Doeu no quinto round, antes estava tudo bem.

Related posts

Leave a Comment