Bethe Correia diz estar decepcionada e acusa Cris Cyborg de ter dado “declarações preconceituosas”

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Please enter banners and links.

Foto: Getty Images

O clima entre a paraibana Bethe Correia e a curitibana Cristiane Justino nunca foi dos melhores. Dois grandes nomes no cenário mundial do MMA feminino, não se entendem muito bem e já trocaram farpas nas redes sociais.

Bethe Correia vem de empate contra Marion Reneau, na edição do UFC realizado na cidade de Fortaleza e, com o soar da buzina que sinaliza o fim da luta, a brasileira fez uma dança, que foi vista com maus olhos por ‘Cyborg’e criticou a compatriota na época.

Em entrevista para o portal Ag.Fight, Bethe Correia soltou o verbo contra ‘Cyborg’. A paraibana revelou que não respondeu mensagem enviada por Cris e acusou a curitibana de fazer comentário preconceituoso em relação a sua dança.

“A Cris me mandou uma mensagem, mas eu fiquei tão decepcionada com a atitude dela que eu nem respondi. Ela ter comentado que eu parecia uma ‘maria tatame’ e que aquela dança daria liberdade para os homens me faltarem com respeito e me assediarem foi muito preconceituoso, na minha opinião. Eu participei da campanha nacional contra o assédio às mulheres. Toda mulher tem o direito de beber um pouco a mais em uma festa, de usar a roupa que quer, de dançar e isso não dá direito de ninguém te rotular de nada e de nenhum homem te assediar. O  ‘Caubói’ fez uma dança bem parecida com a minha e ninguém falou nada dele. Então, fiquei muito decepcionada porque a Cris Cyborg foi a primeira atleta que eu vi lutando e eu sempre fui fã dela. Infelizmente, por isso, eu perdi esse respeito. Eu acho que eu represento muito bem as mulheres”, declarou Bethe Correia.

Atualmente, Bethe está com 33 anos de idade e possui 13 lutas como lutadora profissional de MMA, saindo como vencedora em 10 oportunidades.

Related posts

Leave a Comment